HU-Unifap

Rede Ebserh apresenta perfil assistencial do futuro Hospital Universitário do Amapá

qui, 07/11/2019 - 21:03

Estudo detalha serviços que serão prestados, assim como especialidades médicas a serem disponibilizadas

Apresentação ocorreu durante reunião com gestores da Ebserh, reitor da Unifap e bancada parlamentar do Amapá

Brasília (DF) – Foi apresentado nesta quinta-feira, 7, o perfil assistencial do futuro Hospital Universitário da Universidade Federal do Amapá (HU-Unifap), durante reunião na sede da Rede Ebserh, que colabora com o projeto de abertura do futuro HU. O perfil assistencial detalha os serviços que serão prestados pelo hospital, assim como as especialidades médicas. Foram definidos serviços nas áreas de Cardiologia, Ortopedia, Oftalmologia, Ginecologia e Obstetrícia, entre outros.

A infraestrutura física prevê 148 leitos de internação, 64 leitos de UTI, totalizando 212 leitos, além de 25 ambulatórios para o prédio que será entregue nesta etapa. A segunda etapa da obra prevê mais 100 leitos de internação e 35 ambulatórios. “Se havia alguma dúvida anteriormente, agora não há. Todas as especialidades previstas no perfil assistencial estarão, em breve, à disposição da população do estado do Amapá e da região”, afirmou o presidente da Rede Ebserh, Oswaldo Ferreira. “Estamos superando nossas dificuldades e a obra está sendo materializada”, declarou o reitor da Unifap Júlio Sá.

A próxima fase para a finalização do HU é o dimensionamento de pessoal, quando será analisado quantos profissionais deverão compor o quadro de empregados do hospital. Isso se dará ao mesmo tempo em que a Unifap inicia seu processo de aquisição de equipamentos de forma a garantir o funcionamento dos serviços. Com conclusão do dimensionamento, a proposta será encaminhada para o Ministério da Economia que fará uma análise técnica e econômica para verificar a viabilidade de contratação de pessoal. Após aprovação do Ministério da Economia, será dado início ao processo de concurso público.

Em caso de assinatura de contrato entre Unifap e Ebserh para que a gestão da unidade hospitalar fique a cargo da estatal, o concurso será realizado pela Ebserh. Hoje, a Rede Ebserh conta com 40 hospitais universitários federais e mais de 34 mil empregados. “Teremos um início de trabalho dentro de uma lógica. Não podemos colocar todos os profissionais para trabalhar em um só dia. Isso é natural e será feito de acordo com as demandas, com as necessidades da universidade e com a contratualização com o Sistema Único de Saúde (SUS)”, explicou Ferreira.

A reunião foi solicitada pela bancada federal do Amapá, que liberou recursos para a construção do hospital. Quando inaugurado, o HU-Unifap será um importante espaço de aprendizado e desenvolvimento do ensino, pesquisa e extensão para vários cursos da universidade, além de oferecer atendimento de saúde. O término da obra está previsto para o próximo ano e, com todas as contratações de pessoal próprio, prestadores de serviços e finalização dos contratos, a unidade deve entrar em funcionamento no primeiro semestre de 2021.

Participaram da reunião o senador Randolfe Rodrigues, os deputados federais professora Marcivânia, Aline Gurgel e Luiz Carlos, o pró-reitor de Administração da Unifap, Seloniel Reis, e assessores dos convidados. Pela Rede Ebserh, estiveram presentes o diretor de Administração e Infraestrutura, Erlon César Dengo, e o diretor de Atenção à Saúde, Giuseppe Gatto, além de outros gestores e técnicos da estatal.

Sobre a Ebserh

Vinculada ao Ministério da Educação (MEC), a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh) foi criada em 2011 e, atualmente, administra 40 hospitais universitários federais, apoiando e impulsionando suas atividades por meio de uma gestão de excelência.

Como hospitais vinculados a universidades federais, essas unidades têm características específicas: atendem pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS), e, principalmente, apoiam a formação de profissionais de saúde e o desenvolvimento de pesquisas. Devido a essa natureza educacional, a os hospitais universitários são campos de formação de profissionais de saúde. Com isso, a Rede de Hospitais Universitários Federais atua de forma complementar ao SUS, não sendo responsável pela totalidade dos atendimentos de saúde do país.

Rede Ebserh apresenta perfil assistencial do futuro Hospital Universitário do Amapá

Foi apresentado nesta quinta-feira, 7, o perfil assistencial do futuro Hospital Universitário da Universidade Federal do Amapá (HU-Unifap), durante reunião na sede da Rede Ebserh, que colabora com o projeto de abertura do futuro HU. O perfil assistencial detalha os serviços que serão prestados pelo hospital, assim como as especialidades médicas. Foram definidos serviços nas áreas de Cardiologia, Ortopedia, Oftalmologia, Ginecologia e Obstetrícia, entre outros.

Fonte
Coordenadoria de Comunicação Social da Rede Ebserh
Ebserh Sede
hu-unifap
amapá
reunião
parlamentares
perfil assistencial
governador