Notícias Notícias

Voltar

Morre Nassim Calixto, pioneiro nos estudos de glaucoma no Brasil

Institucional

Morre Nassim Calixto, pioneiro nos estudos de glaucoma no Brasil

Médico trabalhou por mais de 60 anos no Hospital São Geraldo

Faleceu ontem (5), aos 91 anos, o professor emérito Nassim Calixto, do Departamento de Oftalmologia e Otorrinolaringologia da Faculdade de Medicina da UFMG. Seu corpo está sendo velado na capela 2 do Cemitério Parque da Colina, em Belo Horizonte. O sepultamento está marcado para 11h.

Médico oftalmologista, Nassim Calixto graduou-se, em 1952, na Faculdade de Medicina, onde também se especializou, em 1955. Ele ingressou na Unidade como docente, em 1959, e concluiu doutorado, em 1967. Autor de vários trabalhos sobre saúde dos olhos, Calixto foi o primeiro brasileiro a abordar a Síndrome de Fuchs, um tipo de inflamação. O glaucoma, no entanto, era a principal especialidade do oftalmologista. 

Nassim Calixto trabalhou por mais de 60 anos no Hospital São Geraldo e continuou atendendo pacientes e orientando estudantes mesmo após a sua aposentadoria. Em 2008, foi agraciado com o título de Professor Emérito da UFMG. Cinco anos depois, ele recebeu a Medalha Cícero Ferreira, criada durante as comemorações do centenário da Faculdade de Medicina para reconhecer o mérito profissional de professores e servidores técnico-administrativos da Casa.

(Com Assessoria de Comunicação da Faculdade de Medicina)