Notícias Notícias

Voltar

Palhaçoterapia é um dos destaques do Programa Mais

HUMANIZAÇÃO

Palhaçoterapia é um dos destaques do Programa Mais

Intervenções irão acontecer ao longo da semana nas enfermarias do HC

Trazendo, tradicionalmente, intervenções de arte que objetivam fomentar a humanização do ambiente do Hospital das Clínicas da UFPE, unidade vinculada à Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), o Programa Mais: Manifestações de Arte Integradas à Saúde divulgou seu cronograma de atividades a serem realizadas na instituição durante toda esta semana.

Dentre os destaques da programação, está o Projeto de Encontro e Riso Terapêuticos (Perto), componente frequente do Mais e que leva terapia clown a diversos setores do HC, promovendo atividades lúdicas com pacientes, funcionários e acompanhantes da unidade. O Perto acontece durante todos os dias desta semana, exceto quarta-feira (22), em enfermarias de diversos andares do hospital. Outros destaques são os projetos de contação de histórias, que acontece nesta quinta-feira (23), e o Bonecos de Travesseiro, que será nesta próxima sexta (24), às 10h, na enfermaria do sexto andar sul.

A programação completa do Mais pode ser conferida aqui.

Mais – Criado em 2007, o Mais leva semanalmente atividades artístico-culturais à comunidade do HC como ferramenta para fomentar a qualidade de vida e a humanização no ambiente hospitalar. O Programa conta com uma página no Facebook, podendo ser acessada pelo www.facebook.com/saudemaisprograma.

Sobre a Ebserh - A Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), estatal vinculada ao Ministério da Educação, administra atualmente 39 hospitais universitários federais. O objetivo é, em parceria com as universidades, aperfeiçoar os serviços de atendimento à população, por meio do Sistema Único de Saúde (SUS), e promover o ensino e a pesquisa nas unidades filiadas. O órgão, criado em dezembro de 2011, também é responsável pela gestão do Programa Nacional de Reestruturação dos Hospitais Universitários Federais (Rehuf), que contempla ações nas 50 unidades existentes no país, incluindo as não filiadas à Ebserh.
Texto: Kelvyn Nunes