Hospital Universitário - HU-UFJF

Universidade Federal de Juiz de Fora - UFJF

Atenção à Saúde Atenção à Saúde

Vigilância em Saúde e Segurança do Paciente Vigilância em Saúde e Segurança do Paciente

NUVE- Núcleo de Vigilância Epidemiológica

NUVE- Núcleo de Vigilância Epidemiológica

A vigilância epidemiológica é um “conjunto de ações que proporciona o conhecimento, a detecção ou prevenção de qualquer mudança nos fatores determinantes e condicionantes da saúde individual ou coletiva, com a finalidade de se recomendar e adotar as medidas de prevenção e controle das doenças ou agravos”.

Seu propósito é fornecer orientação técnica permanente para os que têm a responsabilidade de decidir sobre a execução de ações de controle de doenças e agravos. Tem como funções, dentre outras: coleta e processamento de dados; análise e interpretação dos dados processados; divulgação das informações; investigação epidemiológica de casos e surtos; análise dos resultados obtidos; e recomendações e promoção das medidas de controle indicadas.

ACIDENTE TRABALHO COM MATERIAL BIOLOGICO

ACIDENTE TRABALHO GRAVE  (em crianças e adolescentes, fatal ou com multilações)

ACIDENTES POR ANIMAIS PEÇONHENTOS

AIDS (PACIENTES COM 13 ANOS OU MAIS)

AIDS (PACIENTES COM MENOS DE 13 ANOS)

AIDS GESTANTE

ATENDIMENTO ANTI-RÁBICO HUMANO

BOTULISMO

CÂNCER RELACIONADO AO TRABALHO

CARBÚNCULO OU ANTRAZ

CAXUMBA

CÓLERA

COQUELUCHE

CRIANÇA EXPOSTA AO HIV

DENGUE

DERMATOSES RELACIONADA AO TRABALHO

DIFTERIA

DOENÇA DE CHAGAS AGUDA

DOENÇA DE CREUTZFELDT JAKOB (DOENÇAS PRIÔNICAS)

DOENÇAS EXANTEMÁTICAS FEBRIS (SARAMPO E RUBÉOLA)

EPIZOOTIA

ESQUISTOSSOMOSE

EVENTOS ADVERSOS PÓS VACINAIS

FEBRE AMARELA

FEBRE DO NILO OCIDENTAL

FEBRE MACULOSA

FEBRE TIFÓIDE

HANSENÍASE

HANTAVIROSE

HEPATITES VIRAIS

INFECÇÃO PELO VÍRUS DA IMUNODEFICIÊNCIA HUMANA – HIV4

INFLUENZA HUMANO POR NOVO SUBTIPO (PANDÊMICO)

Instrutivo VIVA

INTOXICAÇÃO EXÓGENA

INVESTIGAÇÃO DE SURTO

LEISHMANIOSE TEGUMENTAR AMERICANA

LEISHMANIOSE VISCERAL

LEPTOSPIROSE

LER  DORT -RELACIONADOS AO TRABALHO

MALÁRIA

MENINGITE

MICROCEFALIA

NOTIFICAÇÃO – CONCLUSÃO

NOTIFICACAO INDIVIDUAL (NEGATIVA, INDIVIDUAL OU SURTO)

ÓBITO MATERNO OU INFANTIL 2,6 (NOVA)

PAIR - RELACIONADA AO TRABALHO

PARACOCCIDIOIDOMICOSE

PARALISIA FLÁCIDA AGUDA – POLIOMIELITE

PESTE

PLANILHA ACOMPANHAMENTO DE SURTO

PNEUMOCONIOSES -RELACIONADA AO TRABALHO

POXVÍRUS

RAIVA HUMANA

ROTAVÍRUS

SIFILIS ADQUIRIDA

SÍFILIS CONGÊNITA

SÍFILIS EM GESTANTE

SÍNDROME DA RUBÉOLA CONGÊNITA

SINDROME DO CORRIMENTO URETRAL MASCULINO

SÍNDROME FEBRIL ÍCTERO E OU HEMORRÁGICA AGUDA

SÍNDROME RESPIRATÓRIA AGUDA GRAVE (INTERNADA OU ÓBITO)

SURTO DE DOENÇA TRANSMITIDA POR ALIMENTO (DTA)

TELA DE ACOMPANHAMENTO DE QUIMIOPROFILAXIA PARA TUBERCULOSE

TELA DE ACOMPANHAMENTO DE TUBERCULOSE

TÉTANO ACIDENTAL

TÉTANO NEONATAL

TOXOPLASMOSE

TRACOMA (BOLETIM DE INQUÉRITO)

TRANSTORNOS MENTAIS - RELACIONADOS AO TRABALHO

TUBERCULOSE RESISTENTE

TUBERCULOSE

TULAREMIA

VARICELA

VARÍOLA

VIOLENCIA 06-15

Fluxo das Fichas de Doenças de Notificação Compulsória do Hospital Universitário