Notícias Notícias

Voltar

HU recepciona 110 novos profissionais

INTEGRAÇÃO

HU recepciona 110 novos profissionais

Os convocados já adentram à instituição com noções dos processos vinculados ao hospital e à própria Ebserh.

O Hospital Universitário da Universidade Federal de Sergipe (HU-UFS) recebeu nesta quinta-feira, 1º, mais 110 aprovados no concurso realizado pela Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh) para as áreas médica, assistencial e administrativa. Os novos trabalhadores participam nesta primeira semana de março de atividades de integração, nas quais podem, por exemplo, conhecer melhor o funcionamento da Ebserh e da rede de hospitais universitários administrados pela estatal.

Por meio de uma exposição feita pela superintendente do HU-UFS, Angela Silva, os convocados já adentram à instituição de saúde com noções dos processos vinculados ao hospital e à própria Ebserh. Reestruturação física e tecnológica das unidades, modernização do parque tecnológico, revisão do financiamento da rede, aumento progressivo do orçamento foram alguns dos pontos abordados pela superintendente.

“Entre os desafios da Ebserh estão a melhoria dos processos de gestão, a recuperação do quadro de recursos humanos dos hospitais, o aprimoramento das atividades hospitalares vinculadas ao ensino, pesquisa e extensão e a assistência à saúde”, pontuou a gestora.

Recepção

Dentro da programação, os novos servidores foram recebidos pela pró-reitora de Gestão de Pessoas da UFS, Ednalva Caetano, que representou o reitor da Universidade, Angelo Antoniolli. “Hoje temos certeza que estamos falando do melhor hospital público de Sergipe, com excelentes profissionais de todas as áreas, seja na docência ou no aspecto técnico. É uma alegria muito grande para a UFS ver aqui mais de cem profissionais que prestarão seus serviços à uma população que precisa de assistência de qualidade”, declarou a pró-reitora.

As palavras dela foram complementadas pela superintendente do HU-UFS, Angela Silva. “Estamos todos ansiosos para que esses novos trabalhadores do Hospital Universitário de Sergipe possam colocar em funcionamento serviços que dependiam da convocação deles, sempre lembrando que estamos em um hospital de ensino, com estudantes e residentes que precisam fomentar também a pesquisa e extensão”, lembrou a gestora.

A solenidade de integração contou com a presença do gerente de Ensino e Pesquisa, Roque Pacheco, e do gerente administrativo, Edélzio Costa Júnior, além do professor Inácio Loyola, da Divisão de Assistência ao Servidor da UFS.

Expectativa

Uma das convocadas foi a técnica de enfermagem Edivânia Monteiro. “Estou com as melhores expectativas possíveis, muito feliz e ansiosa com o que vem pela frente. Fiquei satisfeita por poder finalmente fazer parte do quadro do Hospital Universitário”, declarou.

Outra que demonstrou alegria por ter sido convocada foi a enfermeira Ana Cláudia Cunha. “Quero muito contribuir com o serviço, já atuei como professora substituta da UFS na área de enfermagem e sei como é o trabalho desempenhado no HU. Pretendo dar a minha contribuição para o hospital e seus alunos”, anunciou Ana Cláudia.

Continuidade

A programação para esta quinta inclui ainda a leitura dos contratos; palestra Saúde e Segurança do Trabalho (treinamento admissional) e assinatura dos contratos. Nesta sexta, 2, os temas são higienização das mãos (precauções baseadas na transmissão); acidente de trabalho com exposição a material biológico e perfuro-cortante; Serviço de Vigilância Epidemiológica; gestão de risco e protocolos e processos do Setor de Farmácia Hospitalar.

Nos dias 5, 6 e 7, a programação se volta especificamente aos profissionais de enfermagem, com temas diversos relacionados a essa área.

Sobre a Ebserh

Desde outubro de 2013, o HU-UFS o faz parte da Rede Ebserh. Estatal vinculada ao Ministério da Educação, a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh) atua na gestão de hospitais universitários federais. O objetivo é, em parceria com as universidades, aperfeiçoar os serviços de atendimento à população, por meio do SUS, e promover o ensino e a pesquisa nas unidades filiadas.

A empresa, criada em dezembro de 2011, administra atualmente 40 hospitais e é responsável pela gestão do Programa Nacional de Reestruturação dos Hospitais Universitários Federais (Rehuf), que contempla ações em todas as unidades existentes no país, incluindo as não filiadas à Ebserh.

Por Andreza Azevedo

Imagens: