Notícias Notícias

Voltar

Nova diretriz da Anvisa terá contribuição do HU

ANTIMICROBIANOS

Nova diretriz da Anvisa terá contribuição do HU

Médica do HU-UFS ministrou a palestra Programas de Uso Racional de Antimicrobianos em Hospitais durante evento promovido pela Anvisa.

Dados da Organização Mundial da Saúde (OMS) mostram que um grande percentual de medicamentos é utilizado de forma inadequada. A informação é mais alarmante quando trata do uso de antimicrobianos, devido à gravidade do crescimento da resistência bacteriana.

Ciente desse perigo, a chefe da Unidade de Gestão de Riscos Assistenciais do Hospital Universitário da Universidade Federal de Sergipe (HU-UFS), Iza Lobo, esteve neste mês no V Seminário Internacional sobre Redução do Risco para Segurança do Paciente e Qualidade em Serviços de Saúde, promovido pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

Ela, que é médica infectologista do HU-UFS, ministrou a palestra Programas de Uso Racional de Antimicrobianos em Hospitais. “Deve existir um esforço multiprofissional para prevenir a resistência bacteriana e melhorar os resultados para o paciente, e a Anvisa está construindo uma diretriz nacional para isso”, informa Iza Lobo, que está integrada à construção desse documento.

De acordo com ela, o chamado programa de stewardship para o uso de antimicrobianos tem, entre suas funções, monitorar a qualidade e segurança assistencial prestada pelos hospitais e serviços de saúde aos seus pacientes, além de realizar uma seleção otimizada para dose e duração do tratamento.

“Controlar o antibiótico, reduzir o seu uso incorreto são pontos importantes para combater essa resistência. Não é por acaso que a própria OMS, os Estados Unidos e o Ministério da Saúde estão envolvidos nesse controle”, lembra a médica. “Como a Anvisa é um órgão regulador público, os hospitais universitários compõem parte da sua força, trazendo estudos e ideias que podem ser aplicados nos controles de saúde estaduais ou municipais. O público do seminário se mostrou bastante interessado no tema”, destacou.

Avanço

Iza informou ainda que o Hospital Universitário da UFS tem avançado em alguns pontos. “Medidas que foram propostas nacionalmente durante o evento já são usadas no HU de Sergipe, fico feliz por estarmos avançados em alguns pontos. É um prestígio estar ao lado de instituições como a Universidade de São Paulo [USP] contribuindo para essa diretriz da Anvisa com trabalhos que já são feitos no HU de Sergipe. Para mim, o seminário foi muito intenso, muito agradável”, resumiu.

Para ela, o HU-UFS tem condições de implantar com sucesso um programa de stewardship para o uso de antimicrobianos. “Temos uma farmácia forte, com plenas condições de participar desse processo. O início de tudo passa por descalonar o antibiótico baseado na cultura, fazendo tratamentos mais curtos, trabalhando para diminuir a resistência, tudo dentro do que diz a literatura e aliado à nossa prática”, pontuou.

Material

Durante o V Seminário Internacional sobre Redução do Risco para Segurança do Paciente e Qualidade em Serviços de Saúde, a Anvisa lançou publicações sobre o tema, entre elas folders, cartazes e uma série de nove fascículos dedicados ao tema Segurança do Paciente e Qualidade em Serviços de Saúde que abordam, entre outros assuntos, infecção relacionada à assistência à saúde e eventos adversos em serviços de saúde. O material foi trazido pela palestrante e está à disposição dos profissionais de saúde do HU na sala da Comissão de Controle de Infecção Hospitalar.

Por Andreza Azevedo

Imagens: