Notícias Notícias

Voltar

HU ganha novo prédio e retomará obra da Materno Infantil

EXPANSÃO

HU ganha novo prédio e retomará obra da Materno Infantil

Presente à inauguração, o presidente da Rede Ebserh, Kleber Morais, ressaltou o empenho na liberação dos recursos para a conclusão das obras.

Foram inauguradas nesta quarta-feira, 15, as obras do Anexo Hospitalar, incluindo o Centro de Diagnóstico e Imagem, e a reforma e ampliação da Ala Norte do Hospital Universitário da Universidade Federal de Sergipe (HU-UFS). Após um investimento de cerca de R$ 8 milhões por parte do Ministério da Educação (MEC), o Anexo Hospitalar, quando estiver devidamente habilitado, com os serviços contratualizados e em pleno funcionamento, atenderá às áreas de Oncologia, Transplantes e Diagnósticos.

Já a Ala Norte, que ocupa uma área de 400m², será destinada à complementação diagnóstica e à triagem neonatal. Os recursos para a reforma e ampliação, aproximadamente R$ 600 mil, são oriundos do Programa Nacional de Reestruturação dos Hospitais Universitários Federais (Rehuf), gerido pela Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), estatal vinculada ao Ministério da Educação (MEC), que também administra o HU-UFS.

Presente à inauguração, o presidente da Rede Ebserh, Kleber Morais, ressaltou o empenho na liberação dos recursos para a conclusão das obras, devido à responsabilidade que os hospitais universitários federais têm para a população brasileira. “Temos uma preocupação muito grande, pois estamos lidando com vidas humanas e com o ensino e a pesquisa. Esse é o importante papel dos hospitais da Rede Ebserh” disse o gestor, que representou o ministro da Educação, Mendonça Filho. Morais também reafirmou o compromisso de convocar todos os concursados que foram aprovados dentro do número de vagas pela Ebserh.

Relevância

Para o reitor da UFS, Angelo Antoniolli, ver concretizada a entrega das obras é motivo de satisfação. “É uma alegria muito grande para a UFS chegar nesse estágio. Estamos integrando aos nossos laboratórios e serviços esse grande espaço, onde teremos os melhores equipamentos do estado para alta complexidade. No prédio do Anexo serão feitas cirurgias oncológicas, transplantes de fígado, de rim, de córnea, enfim serviços altamente especializados”, detalhou.

Angelo ressaltou também a relevância para a área de ensino. “Esse ganho vai ser excelente para a formação dos nossos profissionais de saúde e, também, para que nossos professores tenham um novo espaço, completamente equipado, para desempenhar de forma adequada as suas funções”, complementou o reitor.

Benefícios

De acordo com a superintendente do HU-UFS, Angela Silva, tanto as inaugurações quanto a retomada das obras da Unidade Materno Infantil, trazem ganhos importantes para os usuários do Sistema Único de Saúde (SUS). “Esses serviços são fundamentais para uma população que será beneficiada com melhorias nas áreas de oncologia, transplantes, diagnósticos e materno-infantil em Sergipe”, resumiu a superintendente.

“Hoje é um dia muito importante para todos que participam da vida do Hospital Universitário da UFS: professores, estudantes, técnicos administrativos, mas, sobretudo, os pacientes que utilizam a assistência pelo SUS. Quando assumi a gestão do HU, há 12 anos, meu sonho era ter um hospital com 160 leitos. Tínhamos 53 naquela época, sendo 20 desativados por falta de condições. Hoje, com muito orgulho, chegamos aos 160 leitos”, comemorou Angela Silva.

Ampliação

Durante a solenidade, o presidente da Ebserh anunciou a liberação de verbas para ampliação da Farmácia e do Refeitório do HU. Serão R$ 1.200.000,00 a serem empenhados ainda neste ano, com execução em 2018.

Sobre a Unidade Materno-infantil, está prevista, para os próximos dias, a assinatura da ordem de serviço para conclusão das obras, pelo ministro Mendonça Filho. O prédio, de 6.952m², terá seis pavimentos e 118 leitos (adultos e infantis), além de cinco salas de parto e seis salas cirúrgicas, com investimento total de R$ 15, 7 milhões.

Estiveram presentes na inauguração o reitor da UFS, Angelo Antoniolli, o senador Eduardo Amorim, o deputado federal André Moura, além de representantes do Ministério Público e outras autoridades.

Infraestrutura

O prédio do Anexo Hospitalar tem uma área de 2.682 m², e conta com quatro pavimentos, sendo que no térreo funcionará a área administrativa. Os demais andares totalizam 51 leitos, sendo 16 de quimioterapia; seis para diálise; 26 leitos de enfermaria e três para servir à área de Transplantes.

Além desta área de mais de 2 mil m², o prédio terá um Centro de Imagem e Diagnóstico, acrescentando 515,59m² ao empreendimento e funcionando com procedimentos como ultrassonografia, teste ergométrico, eletrocardiograma, espirometria, mamografia com estereotaxia e polissonografia.

Já a Ala Norte significa a reforma e ampliação de uma parte do hospital, que passa a abrigar uma área de 400m² para complementação diagnóstica e triagem neonatal. Quando concluída, a Unidade Materno Infantil se transformará em um prédio de seis pavimentos, com 6.952m² e 118 leitos.

Sobre a Ebserh

Desde outubro de 2013, o HU-UFS é filiado à Ebserh, estatal vinculada ao Ministério da Educação que administra atualmente 39 hospitais universitários federais. O objetivo da Rede Ebserh é, em parceria com as universidades, aperfeiçoar os serviços de atendimento à população, por meio do Sistema Único de Saúde (SUS), e promover o ensino e a pesquisa nas unidades filiadas.

O órgão, criado em dezembro de 2011, também é responsável pela gestão do Programa Nacional de Reestruturação dos Hospitais Universitários Federais (Rehuf), que contempla ações nas 50 unidades existentes no país, incluindo as não filiadas à Ebserh.

Por Andreza Azevedo

Imagens: