Notícias Notícias

Voltar

Dia da Mulher tem programação intensa no HU

EVENTO

Dia da Mulher tem programação intensa no HU

Rodas de conversa, ações educativas, serviços de saúde e sessão de cinema foram as atrações do dia.

O Hospital Universitário da Universidade Federal de Sergipe (HU-UFS), filial da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), organizou para esta quinta-feira, 8, uma programação totalmente dedicada ao Dia Internacional da Mulher, com atividades direcionadas a profissionais e pacientes. Rodas de conversa, ações educativas, serviços de saúde e sessão de cinema foram as atrações do dia.

De acordo com a superintendente do HU-UFS, Angela Silva, há um bom tempo as mulheres vêm exercendo diversos papéis na sociedade, seja conduzindo famílias ou no âmbito profissional. “Para homenagear essas guerreiras, foram preparadas atividades dedicadas a elas, que passam boa parte do dia empenhadas em executar tarefas dentro da instituição. As mulheres estão de parabéns por conciliarem, com sucesso, atividades tão diversas”, declarou a gestora.

Um dos envolvidos nas ações foi o chefe do Setor de Farmácia Hospitalar, Fábio Ramalho. “A Farmácia e o Laboratório estão com uma ação pela manhã e à tarde, trazendo orientações sobre uso de medicamentos - com ênfase em anticoncepcionais, aferindo pressão, medindo glicemia e registrando isso em um cartão do nosso serviço de cuidados farmacêuticos”, pontuou.

Nos casos de resultados alterados, essas pessoas sairão com encaminhamento para que recebam atendimento farmacêutico ambulatorial. “Se for o caso, serão também encaminhadas para um médico especialista dentro do próprio HU”, informou Fábio Ramalho, que teve o apoio de profissionais, residentes e estagiários da área da Farmácia.

Atendimento

Os serviços aos quais ele se refere beneficiaram pessoas como a marisqueira Ginalda Carvalho. “Não é todo dia que a gente tem oportunidade de ser bem tratada, olhar como está a nossa saúde. Estou saindo daqui muito satisfeita”, disse. Para esta ação, foram confeccionados materiais impressos sobre hipertensão, diabetes e uso de anticoncepcional.

Paralelamente a essa atividade, pacientes que aguardavam por consulta participaram de um bate papo conduzido pela técnica em enfermagem Ilnar Pereira, que falou sobre a importância de manter a autoestima após o diagnóstico de uma patologia. “Estamos abordando vários temas, desde os cuidados com as mãos, até as dinâmicas como a brincadeira da caixa do espelho”, pontuou.

Nessa brincadeira, as pacientes recebem uma caixa tampada com um espelho dentro. Quando ela abre, tem que descrever o que viu na caixa. “É uma oportunidade para a pessoa refletir sobre quem ela é, olhar um pouco mais para dentro de si”, explicou Ilnar.

A professora Amanda Oliveira, que estava no local para uma consulta médica, interagiu durante o bate papo. “É maravilhoso um momento como esse, porque muitas de nós ficam desmotivadas ao descobrirem qualquer doença, mas é preciso entender que, independente da situação, se nossa autoestima estiver boa, as coisas já melhoram”, declarou Amanda.

Relação abusiva

Outro tema abordado durante a programação foi Relação Abusiva, por meio de uma palestra do psicólogo do HU-UFS, Jakson Gama. “Minha intenção foi fazer um percurso sobre a questão histórica no Brasil, abordando assuntos como o feminismo e mulheres negras, além de mostrar instrumentos de conscientização para evitar relações abusivas e, claro, homenagear todas as mulheres pelo seu dia”, resumiu o psicólogo, que, durante sua fala, tratou também dos vários tipos de violência, como a psicológica, a patrimonial e a sexual.

Para esse momento, foram convidadas a psicóloga Adriana Torres e a assistente social Jacqueline Moreira, ambas do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas). “Trabalhamos com mulheres vítimas de violência, executando funções como orientá-las, prestar apoio e informar sobre os seus direitos”, disse Adriana Torres.

A programação do Dia Internacional da Mulher no HU-UFS se encerra à tarde, com uma sessão de cinema no auditório do hospital.

Por Andreza Azevedo

Imagens: