Nossa história Nossa história

Institucional - Nossa História - Galeria de fotos

 

Em 04 de fevereiro de 1952 surgia a Maternidade Ana Bezerra. Construída com recursos obtidos junto ao Ministério da Saúde, através do então Secretário Executivo o Dr. Manoel Vilaça. 

A Maternidade era denominada Associação de Proteção à Maternidade e à Infância de Santa Cruz" (APAMI). 

O presidente da associação mantenedora era o Sr. João Bianor Bezerra. O primeiro Diretor Geral foi Demócrito Ramos da Rocha (Clínico Geral e Obstetra). 

No dia de sua inauguração nascia a primeira criança: Ana Bezerra Brasileira.

Seu nome foi colocado como forma de homenagem à senhora Ana Bezerra (mãe do então Dep. Federal Teodorico Bezerra), doadora do terreno em que fora construída a maternidade. 

Em 02 de agosto de 1966, com a instalação do Centro Rural Universitário de Treinamento e Ação Comunitária - CRUTAC em Santa Cruz, a maternidade passou a servir como campo de estágio, vinculando-se à Universidade Federal do Rio Grande do Norte, tornando-se Hospital Universitário Ana Bezerra – HUAB.

Desde então, o HUAB vem associando assistência, ensino, pesquisa e extensão, sendo hospital de referência na atenção à saúde materno-infantil na região do Trairi e adjacências, cumprindo um importante papel dentro do sistema de saúde do estado do Rio Grande do Norte, inclusive sendo detentor do título de Hospital Amigo da Criança e auferido premiação "Galba de Araújo" pelo parto humanizado na região nordeste.

Desde o ano de 2013, o HUAB possui vinculação com a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (EBSERH), que desde então, vem trabalhando conjuntamente com a superintendência da instituição na qualificação de processos assistenciais, de ensino e gestão. 

Atualmente com a denominação de Hospital Universitário Ana Bezerra, a instituição vem reforçando a cada ano seu cunho acadêmico, especialmente pela parceria com a FACISA (Faculdade de Ciências da Saúde do Trairi), unidade acadêmica especializada da UFRN, situada no município de Santa Cruz.

Nesse sentido, no contexto do ensino, o HUAB vem recebendo acadêmicos de vários cursos da universidade e instituições de ensino parceiras, contando ainda, com o programa de residência multidisciplinar em saúde e residência médica. Ainda nesse contexto, o HUAB vem apresentando um desenvolvimento expressivo no âmbito da Pesquisa e Extensão, com projetos funcionantes nas dependências do hospital, bem como na comunidade circunvizinha. O produto das atividades acadêmicas vem sendo incorporado para aperfeiçoamento contínuo das práticas que compõem as linhas de assistência à mulher e à saúde da criança.  

Cabe salientar ainda, a postura humanizada assumida pela instituição e seus colaboradores, baseando-se no Programa Nacional de Humanização, bem como, no Programa Humaniza SUS, que visa à valorização dos diferentes sujeitos implicados no processo de produção de saúde: usuários, trabalhadores e gestores. Dentro dessas premissas, o HUAB implantou o Projeto de Gestão Humanizada desde 1999, tendo como objetivo fundamental aprimorar a relação entre profissionais de saúde e usuários, dos profissionais entre si e do hospital com a comunidade. Bem como, o dispositivo da visita aberta e o direito ao acompanhante em todo o trabalho de parto, e pós-parto imediato. 

Desta forma, as ações e serviços prestados pelo HUAB estão pautados no planejamento assistencial, no plano diretor e nas diretrizes do Ministério da Saúde, na perspectiva de garantir a plenitude da assistência hospitalar do plano regional da rede cegonha. 

Clique aqui para assistir o nosso vídeo institucional.