Notícias Notícias

Voltar

Dr. Paulo Germano recebe Medalha da Ordem Nacional do Mérito Educativo

Reconhecimento

Dr. Paulo Germano recebe Medalha da Ordem Nacional do Mérito Educativo

A medalha foi entregue pelo Ministro da Educação Rossieli Soares da Silva.

Em cerimônia realizada no Auditório Lauro Wanderley nesta Segunda-Feira (01), o médico e cirurgião plástico Dr. Paulo Germano Cavalcanti Furtado foi homenageado com a Medalha da Ordem Nacional do Mérito Educativo, concedida a personalidades que contribuíram para o desenvolvimento da educação no País. A medalha foi entregue pelo Ministro da Educação, Rossieli Soares da Silva.

Segundo o Ministro, o doutor Paulo foi homenageado pela dedicação e pelo carinho com que trata os pacientes do HULW: “Mesmo afastado das suas funções, ele permanece vindo e contribuindo todo o tempo que pode por uma causa muito bacana e bonita: cuidar de crianças, especialmente aquelas com lábios leporinos. É um exemplo para a sociedade da Paraíba e do Brasil”.

Graduado em Medicina pela Universidade da Paraíba (1984) e habilitado em Fissuras Labiopalatinas pelo Hospital de Reabilitação de Anomalias Craniofaciais da USP (1987), Dr. Paulo fundou o serviço de Fissuras Labiopalatinas no HULW em setembro de 1991, onde atua como cirurgião e chefe do serviço. É membro ativo da Sociedade Latino-americana de Pediatria e membro Titular do Colégio Brasileiro de Cirurgiões.

Para o Dr. Paulo, receber a medalha de Ordem do Mérito Educativo é um resultado de um trabalho em equipe. “Essa homenagem é resultado de um trabalho bem consistente, feito há muitos anos com uma equipe que participa ativamente desse tipo de atendimento”.

A Medalha da Ordem Nacional do Mérito Educativo existe desde 1955 e tem por finalidade agraciar personalidades, nacionais e estrangeiras, que tenham contribuído de maneira excepcional para o desenvolvimento da educação.

 

    

Clique aqui para mais fotos da homenagem.

 

Sobre a Ebserh

Desde dezembro de 2013, o HULW-UFPB é vinculado à Rede Ebserh. Vinculada ao Ministério da Educação (MEC), a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh) administra atualmente 40 hospitais universitários federais. O objetivo é, em parceria com as universidades, aperfeiçoar os serviços de atendimento à população, por meio do Sistema Único de Saúde (SUS), e promover o ensino e a pesquisa nas unidades filiadas.

A empresa, criada em dezembro de 2011, também é responsável pela gestão do Programa Nacional de Reestruturação dos Hospitais Universitários Federais (Rehuf), que contempla ações em todas as unidades existentes no país, incluindo as não filiadas à Ebserh.