Notícias Notícias

Voltar

Campanha criada na Divisão de Gestão de Pessoas quer incentivar a cordialidade entre os servidores

Gentileza gera gentileza

Campanha criada na Divisão de Gestão de Pessoas quer incentivar a cordialidade entre os servidores

Muitas pessoas passam mais tempo ao lado dos colegas de trabalho do que ao lado da família. Afinal não 40h semanais na labuta. Em alguns dias o clima pesa, o cansaço bate e o desanimo se apresenta. Imagine então que -  bem num desses dias - o telefone  toca e um colega, que acabou de passar um cafezinho, o chama para desfrutarem a bebida juntos. E se uma fatia de bolo fosse acrescentada a esse lanche inesperado. Não, bolo não. Que tal frutas? Não gosta de bolo, nem de café, nem de frutas? Um bombom então, um cartão ou simplesmente  ter com quem desabafar alguns minutos?  Morda a língua quem acha tudo isso utopia.   A campanha #partiugentileza, desenvolvida pela Divisão de Gestão de Pessoas do Hospital Universitário de Santa Maria (HUSM), tem colocado essas e muitas outras ações em prática. A iniciativa começou no mês passado, em outubro, e está se espalhado pelo hospital como forma de dizer ao outro o quanto ele é importante para que tudo corra bem na instituição.

- A gente percebe que a  Assistência tem um trato muito bom com o paciente e, por vezes, não é o mesmo trato que se tem com o colega, talvez pela demanda de serviço. A gente então começou a pensar algumas formas de como melhorar essa convivência e veio à tona essa ideia trazida pela psicóloga – contou Glimar de Aquino, chefe da Divisão de Gestão de Pessoal.

- A proposta nasceu depois que assistimos um vídeo na Internet, onde uma menina distribuía gentilezas em um shopping. A única contrapartida de quem recebia era passar a gentileza adiante, ou seja, fazer para outra pessoa. Decidimos adotar a iniciativa aqui – explicou a psicóloga Marta Oliveira.

A campanha #partiugentileza iniciou entre os servidores da Divisão de Gestão de Pessoas, do Núcleo de Educação Permanente em Saúde (NEPS) e do Setor de Saúde Ocupacional e Segurança do Trabalhador (SOST). Os servidores são convidados a participar, não são obrigados. Alguns se empolgam tanto que fazem a gentileza para mais de um colega.

- Fiquei sabendo que o colega que eu tinha pego estava numa semana detox. Daí eu dei frutinhas, para outro dei bombonzinhos. A reação é muito boa, porque a gente consegue falar para o colega coisas que no dia-a-dia não dá tempo – contou a psicóloga Adaiane Baccin.

- Essa semana gente quer reunir os servidores para pedir um feedback, saber como foi a recepção dos que receberam. Depois, vamos definir qual o andar que vamos trabalhar com a campanha. Um dos objetivos é melhorar o clima organizacional – revela Marta.

Não há prazo definido para a campanha ocorrer. Tomara mesmo que essa roda viva de gentilezas tenha vindo para ficar. Partiu pensar qual colega vou surpreender hoje com um agrado inesperado. E fica a dica para os mais tímidos ou os que não curtem muito beijos e abraços:

- Quem for mais introvertido, vale mandar um e-mail. O importante é participar – afirmou Aquino.