Notícias Notícias

Voltar

Complexo Hospitalar recebe visita técnica para avaliação de mamógrafos

EXAME DE INSPEÇÃO

Complexo Hospitalar recebe visita técnica para avaliação de mamógrafos

Os dois mamógrafos do Complexo Hospitalar da UFC receberam, no dia 13 deste mês, uma equipe técnica para avaliar a qualidade e o funcionamento dos aparelhos. O teste consistiu em duas simulações de dose de radiação e análise da qualidade de imagem.

A equipe – composta por três representantes do Programa Nacional de Qualidade em Mamografia (PNQM), do Instituto Nacional do Câncer (INCA), e duas representantes da Vigilância Sanitária – foi acompanhada por Diego Mansano, físico-médico do Complexo Hospitalar.

Maria Virna, chefe do Serviço de Saúde da Vigilância Sanitária e integrante da equipe de visita, explicou a importância de avaliações como essa. “A gente vem para fazer exame de inspeção de rotina. Quando há alguma pendência, gera-se um relatório técnico. Com isso, sabemos se o equipamento está funcionando corretamente, garantindo a qualidade dos mamógrafos”, resumiu. Maria Virna estava acompanhada da colega Maria Noélia, técnica da Vigilância Sanitária e que há 20 anos faz inspeções em estabelecimentos de saúde de alta complexidade.

 
Estando aprovado o funcionamento e a qualidade dos equipamentos, o Hospital Universitário Walter Cantídio e a Maternidade-Escola Assis Chateaubriand receberão um certificado de qualidade de mamógrafos do Programa Nacional de Qualidade em Mamografia.
 
 
visita3
Saiba mais

O Programa Nacional de Qualidade em Mamografia surgiu após um projeto apresentado em 2006 pelo INCA, que permitiu uma estratégia de controle de qualidade a esses equipamentos em todo o Brasil. O PNQM avalia o desempenho da prestação dos serviços de diagnóstico por imagem que realizam mamografia, com base em critérios e parâmetros referentes à qualidade da estrutura, do processo, dos resultados, da imagem clínica e do laudo.

O programa é realizado em hospitais públicos e particulares do Brasil. O PNQM é gerenciado pelo Ministério da Saúde e executado pelas unidades locais de Vigilância Sanitária, pela Anvisa, pelo INCA e pelo Colégio Brasileiro de Radiologia e Diagnóstico por Imagem (CBR).