Minha História com a Rede Ebserh Minha História com a Rede Ebserh

O projeto “Minha História com a Rede Ebserh” apresenta relatos de superação e a trajetória até a cura dos pacientes atendidos pelos nossos hospitais universitários federais. É o seu trabalho mudando a vida de quem mais precisa!

Voltar

“Estou sendo muito bem atendido, os profissionais são incansáveis”

Minha História com a Rede Ebserh

“Estou sendo muito bem atendido, os profissionais são incansáveis”

Imagem

Fui subprefeito de Seival e vereador da primeira legislatura do município de Candiota. Sempre trabalhei para a população e hoje estou sendo cuidado gratuitamente por meio do Sistema Único de Saúde. Estou internado há 30 dias para tratar uma pneumonia e estou sendo muito bem atendido aqui no Hospital Escola. Os profissionais são incansáveis. Todos muito carinhosos, dia e noite cuidando da gente.

Além de político, fui fonte histórica de um livro escrito pela jornalista Nadiane Momo Spencer, “Seival Passado & Memórias” (2015). Baseado na história da cidade de Seival, o livro é resultado da minha experiência e envolvimento político na região.

Tenho 88 anos e o mais importante de tudo é manter a lucidez. Eu cuido muito da minha cabeça, me informo, leio e vejo TV. Além disso, após 50 anos trabalhando e contribuindo com impostos, hoje estou tendo retorno por meio do tratamento no hospital. Isso aqui é de primeiro mundo. Pelotas está muito bem assistida com relação à saúde.

Gregório Ferreira, 88 anos, político

Sobre a Ebserh

O Hospital Escola da Universidade Federal de Pelotas (HE-UFPel) faz parte da rede da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), estatal vinculada ao Ministério da Educação que atualmente administra 39 hospitais universitários federais. O objetivo é, em parceria com as universidades, aperfeiçoar os serviços de atendimento à população, por meio do Sistema Único de Saúde (SUS), e promover o ensino e a pesquisa nas unidades filiadas.