Notícias Notícias

Voltar

Visita a hospitais franceses reforça parceria internacional

Intercâmbio

Visita a hospitais franceses reforça parceria internacional

Kleber Morais visita a França para mapear as potencialidades da estrutura da rede local

Paris (França) – Com o objetivo de mapear as potencialidades da estrutura da rede hospitalar francesa, o presidente da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), Kleber Morais, visitou, de 5 a 15 de de setembro, hospitais franceses vinculados à Associação dos Diretores Gerais dos Centros Hospitalares Regionais e Universitários da França (Conference des Directeurs Généraux de CHU). 

O intuito foi conhecer a rede francesa para dar início às ações do plano de trabalho bienal previsto no convênio firmado em maio deste ano entre Ebserh e rede de CHUs, para a promoção de intercâmbio de competências e conhecimentos nas áreas de saúde pública entre as duas redes.

Kleber Morais esteve na cidade de Poitiers, onde se reuniu com o presidente da rede de CHUs, Jean-Pierre Dewitte, com os residentes do hospital local, com o decano da Faculdade de Medicina e Farmácia, Pascal Roblot, e com o presidente da Comissão Médica de Estabelecimento do CHU de Poitiers, Bertrand Debaene. O presidente da Ebserh também recebeu uma comenda e visitou a unidade hospitalar do CHU da cidade de Angers.

O presidente da estatal destacou a importância da parceria internacional. “Isso possibilita que pesquisas sejam feitas em conjunto e que os dois países possam compartilhar conhecimento em áreas específicas nas quais tenham expertise, sejam no ensino, na pesquisa ou na assistência à saúde”, salientou Morais.

Outras visitas

Durante sua viagem à França, Kleber Morais também visitou hospitais que não fazem parte do CHU, como foi o caso do Hospital Fosch. Segundo Morais, apesar de estar fora do âmbito do convênio com a Ebserh, existe o interesse na parceria para desenvolvimento de ações na área de reprodução assistida e cirurgia robótica.

Sobre a Ebserh

Estatal vinculada ao Ministério da Educação, a Ebserh administra atualmente 39 hospitais universitários federais. O objetivo é, em parceria com as universidades, aperfeiçoar os serviços de atendimento à população, por meio do Sistema Único de Saúde (SUS), e promover o ensino e a pesquisa nas unidades filiadas.

O órgão, criado em dezembro de 2011, também é responsável pela gestão do Programa Nacional de Reestruturação dos Hospitais Universitários Federais (Rehuf), que contempla ações nas 50 unidades existentes no país, incluindo as não filiadas à Ebserh.

Imagens: