Notícias Notícias

Voltar

Conscientização sobre higienização das mãos é realizada em hospital gaúcho

Prevenção

Conscientização sobre higienização das mãos é realizada em hospital gaúcho

Ação prática e educativa percorreu as Unidades Hospitalares do HU-Furg

Rio Grande (RS) - A conscientização dos profissionais de saúde sobre a importância da higienização das mãos para a prevenção e redução das infecções hospitalares é um desafio constante nos serviços de saúde. Pensando nisso, o Hospital Universitário Dr. Miguel Riet Corrêa Jr. da Universidade Federal do Rio Grande (HU-Furg), vinculado à Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), realizou uma atividade educativa nas Unidades Assistenciais.

Na ação da Gerência de Ensino e Pesquisa (GEP), em parceria com a Comissão de Infecção do HU, foi utilizada a “Caixa da Verdade”. O exercício usa um caixote com luz negra dentro e com aberturas laterais para colocar as mãos e, na parte superior, para observação. Durante a dinâmica, os trabalhadores foram orientados a realizar higienização das mãos, como fazem normalmente, não utilizando água e sabão, mas uma solução de álcool 70% e Luminol – produto que, quando exposto à luz negra, ilumina as áreas atingidas.

Com a prática, foi possível perceber as falhas na limpeza, pois as regiões não iluminadas representam as não higienizadas. Segundo A GEP e a Comissão de Infecção, os resultados são positivos e educativos, uma vez que a higienização das mãos, de acordo com a orientação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), é a medida mais importante. Ainda que a utilização correta de água e sabão possa reduzir a população microbiana presente nas mãos e, na maioria das vezes, interromper a cadeia de transmissão de doenças, a aplicação de produtos antissépticos, em especial de agentes com base alcoólica, pode reduzir ainda mais os riscos de transmissão. 

Além da técnica correta, é fundamental que o profissional se conscientize da importância de realizar a higienização sempre antes de tocar o paciente, antes de realizar procedimento, após o risco de exposição aos fluídos, após tocar o paciente e após tocar as superfícies próximas ao paciente.

Sobre a Ebserh

Desde julho de 2015, o HU-Furg é filiado à Ebserh, estatal que administra 39 hospitais universitários federais. O objetivo é, em parceria com as universidades, aperfeiçoar os serviços de atendimento à população, por meio do Sistema Único de Saúde (SUS), e promover o ensino e a pesquisa nas unidades filiadas.

O órgão, criado em dezembro de 2011, também é responsável pela gestão do Programa Nacional de Reestruturação dos Hospitais Universitários Federais (Rehuf), que contempla ações nas 50 unidades existentes no país, incluindo as não filiadas à Ebserh. 

Com informações do HU-Furg